//O que é desconto de duplicatas e quais são os tipos que existem

O que é desconto de duplicatas e quais são os tipos que existem

Pixabay

O que é desconto de duplicatas e quais são os tipos que existem

Você sabe o que é desconto de duplicatas? Conhece quais são os tipos de descontos que existem? Bom, pra começo de conversa, existem diversos tipos diferentes de descontos dessa forma. E conhecê-los é importante para qualquer pessoa que queira gerenciar melhor o próprio negócio.

O desconto de duplicatas em si é uma forma de operação. Na verdade é bem comum no dia a dia do empresário. Ela é usada amplamente para assegurar os mais diversos financeiros para que seja possível arcar com todos os custos envolvidos em um negócio.

O que é desconto de duplicatas é uma pergunta complicada. O desconto geralmente é reconhecido como uma forma de adiantamento de capital. Nesse adiantamento, o banco vai antecipar o valor de certa duplicada, cobrando sobre ela uma taxa. Esta é uma estratégia que, se usada corretamente, pode ser incrivelmente interessante para sua empresa.

No entanto, para que tudo ocorra bem, você deve entender e também conhecer muito bem todas as modalidades. Dentro desse contexto, nós juntamos vários conceitos e também características das principais formas de desconto. Tudo para te ajudar a ter uma gestão financeira cada vez melhor para seu empreendimento.

O que é desconto de duplicatas?

Facilitando a história toda, você precisa saber muito bem o que são essas duplicatas. De forma mais simples, elas são documentos geralmente emitidos juntamente de notas fiscais nas operações de venda e de compra mercantis. Dessa forma, a duplicata é, na verdade, uma espécie única de crédito. Ela comprova o contrato entre dois diferentes negócios, informando qual o valor e qual o vencimento do título.

A duplicata é uma promessa de receber a partir de um contrato que foi assinado. Ela é utilizada geralmente como uma forma de garantia para que determinada instituição possa liberar o crédito necessário. Indo mais a fundo, esta operação também pode ser chamada de antecipação dos recebíveis. Isso enfatiza o fato de que na verdade se trata de uma forma de adiantamento do que futuramente entraria diretamente no caixa.

Quais são os tipos de desconto de duplicata?

Depois de você entender o que é desconto de duplicatas, podemos começar a apresentar todos os tipos de descontos possíveis. Vale lembrar que esse tipo de conhecimento se torna essencial quando você vai fechar algum negócio com os bancos para tentar antecipar este capital.

1. Cobrança na forma simples

Nesse tipo de cobrança a empresa que tem em mãos a duplicata pode ir até a agência ou banco e descontá-la imediatamente. Em seguida, o comprador deve fazer o pagamento no dia combinado. Neste caso, a operação é feita de forma bem simples, mas fique de olhos abertos! Porque a empresa pode não quitar a duplicata, e este valor então vai ser debitado de forma direta da conta da empresa que fez a venda e descontou esta duplicata.

Em palavras simples, se você tem em mãos uma duplicata e quer descontá-la por este meio, você vai receber o dinheiro, mas se o seu parceiro deixar de fazer a parte dele, quem é responsabilizado é você.

2. Cobrança caucionada

Neste caso, o banco vai exigir alguma garantia para que possa adiantar o valor necessário para sua empresa. De forma geral, os bancos pedem como forma de caução as duplicatas das vendas da empresa. A empresa vai então entregar ao banco todas as garantias, e tem como direito o ato de tomar certa parte do percentual dessas vendas com crédito.

Assim como qualquer caução, é extremamente importante planejar e também avaliar quais são as vantagens e também os riscos que você corre com essa estratégia, afinal de contas, o banco vai ficar com o completo direito sobre as duplicatas de seu negócio.

3. Endosso das duplicatas

Uma outra forma de conseguir o desconto é via o endosso delas diretamente para o banco. Aqui existem duas modalidades diferentes. O mandato, onde o banco vai se responsabilizar pela cobrança. E o translativo, onde todos os direitos vão ser transferidos para o banco.

É importante lembrar que, se a duplicata for translativa, na grande maioria das situações a operação vai ter que contar com um dos sócios, no cargo de avalista. Esta é uma modalidade que é responsável por diversos processos, principalmente quando os bancos começam a protestar, o que fica bem complicado.

Pronto, agora você já sabe tudo o que precisa saber sobre as duplicatas, e pode começar a usar esta estratégia para dar um gás em sua empresa quando for preciso. Mas vale lembrar, quanto mais conhecimento, mais você vai entender e mais vai poder manejar a situação ao seu favor. Então não deixe de sempre se atualizar e ler bastante sobre o assunto, já que as duplicatas podem ser um tanto quanto complicadas de se entender. Nada que alguns minutinhos do seu dia não resolvam.

Rate this post
2018-09-29T20:25:05+00:0027 September 2018|Blog financeiro|0 Comments

Leave A Comment