//Que faz um consultor financeiro, no final das contas?

Que faz um consultor financeiro, no final das contas?

Pixabay

Afinal de contas, o que faz um consultor financeiro?

Aqui no Brasil é quase impossível encontrar uma escola que conceda educação financeira. Por conta disso, acabou surgindo essa profissão de consultor financeiro. Mas o que faz um consultor financeiro?

Quando começamos a aprender, acabamos nos focando em uma área que gostamos mais. E isso forma ótimos profissionais, de diversas áreas. Mas não existem muitos profissionais nas finanças, o que torna geralmente a vida financeira das pessoas um verdadeiro vendaval.

E é nesse momento que você vai entender o que faz um consultor financeiro. Até porque é ele que vai entrar em ação para tentar salvar a sua vida! Ele atua nas mais diversas áreas que tocam a vida financeira cotidiana, e tem a visão para adequar as finanças de todos os seus clientes. Tudo de acordo com os objetivos e também com os momentos de vida que cada um está passando. Mas que tal aprender um pouco mais sobre isso?

O que faz um consultor financeiro

Um consultor financeiro pessoal é, na verdade, um profissional que tem uma ótima visão estratégica. Ele é responsável por organizar e avaliar completamente a vida e a saúde financeira de seus clientes, sem haver conflitos de interesses, atuando sempre com honestidade e também respeito ao perfil de cada um dos seus clientes.

O consultor também pode trabalhar de forma autônoma, assim como em uma empresa que seja do ramo ou até mesmo em uma seguradora. Por conta disso, ele geralmente se encontra isento de qualquer relação com agências financeiras.

Além de tudo isso, ele não tem envolvimento nenhum com o patrimônio de seu cliente, conseguindo assim trabalhar de forma bem mais livre e com uma visão maior, tudo para poder direcionar seu cliente sempre para o melhor caminho possível.

Existe também toda a responsabilidade do consultor em dar subsídios e também alertar seu cliente, tudo para protegê-lo de qualquer tipo de investimento que seja inadequado e ofertas tendenciosas que são oferecidas a todo momento. Outra parte da responsabilidade vem por meio da segurança oferecida as informações do cliente. Um bom planejador financeiro sempre vai prezar pela ética, assim como pela confidencialidade.

Mas na prática, o que faz um consultor financeiro? Bom, o seu trabalho vai consistir em analisar e também elaborar diversas estratégias para todas as áreas que afetam diretamente a vida financeira de alguém. A áreas que são abordadas pelo consultor vão ser as seguintes:

1. Planejamento de finanças

É aqui que será levantado de forma minuciosa a vida do cliente, e como ele usa suas finanças. Com todas as informações coletadas, será então possível entender melhor todo o fluxo de despesas e de rendas, assim como o próprio comportamento do cliente com o dinheiro que ele tem em mãos, podendo a partir daí planejar quais são as melhores estratégias a serem adotadas para executar possíveis ajustes.

2. Gestão de investimentos e de ativos

O consultor pessoal vai também ser responsável pela análise, comparação e indicação de quais são as melhores estratégias para investimento, tudo de acordo com os principais objetivos e também do momento de vida do cliente em específico. Também é feita a avaliação dos imóveis e outros bens, sempre levando em conta todo o perfil que o cliente tem.

3. Planejamentos de aposentadoria e também de independência financeira

Um outro papel do consultor financeiro vai ser o de dimensionar completamente o capital que é necessário para poder gerar rendas futuras, ou seja, de fazer um bom pé de meia para o cliente.

Claro, deve-se considerar tudo o que é necessário, como o INSS, aposentadoria tradicional e até mesmo modalidades de previdência privada, se for do agrado, assim definindo um plano para que o cliente possa então saber exatamente o que terá que fazer para manter o padrão de vida que deseja quando decidir que é hora de parar de trabalhar.

4. Gestão de riscos

O profissional vai analisar os riscos que podem afetar a vida financeira de seu cliente, tendo o objetivo de indicar qual a melhor solução a ser tomada para que ele e sua família tenham segurança para passar por qualquer tipo de evento. Isso protege o cliente e dá a ele um novo nível de seguridade ao investir.

5. Planejamento de tributos

Dentro do planejamento tributário, o principal intuito será o de compreender e também avaliar qual o verdadeiro impacto dos impostos sobre a vida financeira do cliente. Através de algumas estratégias que são amparadas por lei, será possível diminuir o peso dos impostos.

Pronto! Agora você já sabe o que faz um consultor financeiro e como ele pode te auxiliar a tornar sua vida muito mais segura, mostrando a forma ideal de lidar com suas finanças e até que você possa recuperar as rédeas. Não é nada simples aprender a lidar com suas finanças, mas você pode fazer isso ao longo prazo!

Rate this post
2018-09-29T20:45:04+00:0027 setembro 2018|Blog financeiro|0 comentários

Deixe um comentário